• Os homicídios crescentes em ST, a aproximação de Duque com os Ferreira e o racha do PSB em Princesa

    INSEGURANÇA: Os números de homicídios registrados em Serra Talhada, maior cidade da região do Pajeú, revelam o verdadeiro caos que vive a Segurança Pública em Pernambuco. Na última semana, três mortes foram contabilizadas pela Delegacia de Polícia Civil da cidade. Entre estas, um verdadeiro ato de barbarismo contra uma mulher de 26 anos. O 4º feminicídio do ano. A vítima foi encontrada com as mãos amarradas, com o corpo marcado, sem roupa da cintura para baixo e dentro de um saco plástico. O fato é que, o crime será engavetado, já que não se trata de uma pessoa pública, como ocorreu com o jornalista da TV Asa Branca, Alexandre Farias. Em menos de 24 horas, em ação enérgica a SDS-PE prendeu 5 suspeitos.

    2018: E saindo da pauta criminalidade e permanecendo em Serra Talhada, onde o caldeirão político segue em ebulição. O prefeito, Luciano Duque do PT nos revelou que está sendo procurado pela família de evangélicos, os Ferreira.

    O primeiro contato, segundo Duque foi com o deputado estadual André Ferreira. “Quer me conhecer e trocar impressões da política”. Ainda segundo Duque, André pretende disputar uma cadeira no Senado Federal. Luciano ainda acrescentou que o prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PR) também deseja marcar uma conversa.

    Esta semana, o clima entre os republicanos, prefeito de Jaboatão e o secretário de Transportes Sebastião Oliveira azedou e ventila-se que Anderson venha controlar a legenda (PR – Partido da República) em Pernambuco. Duque garante, que no primeiro contato não foi tratado de partido.

    GANHANDO ESPAÇO: Ainda sobre o PR- Partido da República. Allan Pereira é de fato o nome para 2020 em Serra Talhada. Com a bênção de Sebastião Oliveira e até do ex-prefeito Carlos Evandro, o jovem advogado vem se movimentado para desbancar Victor Oliveira do mesmo partido, derrotado nas últimas eleições municipais, por Luciano Duque. Enquanto Allan se movimenta, Victor segue focado em dirigir uma emissora de rádio na cidade.

    PSB RACHADO EM PRINCESA: O nome do vice-prefeito de Princesa Isabel-PB, Aledson Moura do PSB, teve o nome colocado como pré-candidato a deputado estadual, em encontro do PSB estadual realizado neste sábado (25), que definiu os pré-candidatos do partido para concorrer aos cargos deputado estadual e federal nas eleições do próximo ano. Aledson não terá o apoio de Ricardo Pereira (prefeito), que já declarou votar pela reeleição de Hervásio Bezerra.

    SERÁ?: Oficialmente o PT diz que a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é “irreversível” e “irrevogável”. A presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), afirmou que, mesmo que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ratifique a condenação do juiz Sergio Moro a nove anos e seis meses meses de prisão, Lula pode recorrer às instâncias superiores. O petista foi considerado culpado de receber propinas da empreiteira OAS e de lavar dinheiro através de um apartamento tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo.

  • Conferência discute promoção da igualdade racial em Serra Talhada

    Serra Talhada realizou na última semana sua I Conferência Municipal de Igualdade Racial promovida pelo Conselho Municipal de Igualdade Racial e pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Cidadania, no Salão Paroquial, com a participação de diversos segmentos sociais, incluindo indígenas, afrodescendentes, quilombolas, povos de terreiro e comunidade cigana.

    A abertura da conferência aconteceu na última quinta-feira (21) com uma palestra ministrada pela integrante da Coordenação de Políticas de Igualdade Racial do Estado de Pernambuco, Marta Almeida. Na sexta-feira (22) foram realizadas mini plenárias e mini palestras que nortearam os grupos de trabalho para discussão das propostas que foram apresentadas na sequência na plenária geral.

    As propostas construídas na conferência serão enviadas para os governos estadual e federal, além daquelas que ficarão no município e servirão para nortear e referenciar o planejamento do governo, o PPA e o orçamento dos quatro anos vindouros. Na oportunidade foram eleitos dez delegados, sendo cinco representações do governo e cinco da sociedade civil, para defender as propostas do município na conferência estadual.

    “Nossa avaliação é positiva, tivemos a participação ativa dos grupos, discutindo e formulando propostas para que as políticas sejam alcançadas sem nenhum tipo de preconceito, e esse é o nosso grande desafio, tirar esses povos do anonimato e da exclusão e trazê-los par o centro da discussão, uma vez que ainda termos uma sociedade preconceituosa em relação aos quilombolas, aos povos de terreiro, e nosso foco é despertar na população o respeito pela igualdade”, disse Josenildo Barbosa, secretário de Desenvolvimento Social e Cidadania.

    A Conferência Municipal tem como objetivo promover o respeito, a proteção e a concretização de todos os direitos humanos e liberdades fundamentais dos afrodescendentes, da população negra e comunidades tradicionais, fortalecendo as ações e a participação dessas pessoas em todos os aspectos da sociedade. É objetivo ainda promover maior conhecimento e respeito pelo legado, cultura e contribuições diversificadas da população negra, povos e comunidades tradicionais, além de fortalecer o cumprimento dos tratados e convenções internacionais dos quais o Brasil é signatário nesse aspecto. 

  • Prefeitura oferece curso gratuito de poda de árvores em Flores

    A prefeitura de Flores, através das Secretarias de Meio Ambiente e Infraestrutura de Estrutura promove nesta segunda-feira (25), um curso gratuito  de poda de árvores..

    O curso será realizado em dois turnos: das 8h às 12h, com aula teórica no plenário da Câmara de Vereadores e de 14h às 16h, em uma praça da cidade (prática).

    A Secretária de Meio Ambiente, Luciana Miranda, ressalta que na parte teórica “o aluno vai aprender sobre a importância da preservação das árvores, a necessidade da arborização urbana e quais espécies são adequadas para o plantio em calçadas”.

    Já Júnior Campos, Secretário de Infraestrutura acrescentou que os alunos, também vão aprender “técnicas de poda e ferramenta, conhecimento sobre equipamento de proteção (EPI) e segurança no trabalho”.

    O curso que será ministrado por professores da UFR/PE e UAST não só vai atender os servidores municipais que realizam diariamente estas atividades, como também, será aberto para o público em geral.

     

  • Reunião do Exército tratou de intervenção militar, diz revista

    A revista Istoé, desta semana, publica uma reportagem, intitulada “O risco da radicalização”, sobre uma reunião realizada na surdina com a presença do Alto Comando do Exército, em que se discutiu a possibilidade de uma intervenção militar no País. Segundo a publicação, a declaração do general Antonio Hamilton Martins Mourão, na última semana, com notas extremistas, teria sido o eco deste encontro. O colegiado é o responsável pelas principais decisões do Exército.

    Segundo a revista, estavam presentes 16 generais quatro estrelas, entre eles Fernando Azevedo e Silva, chefe do Estado-Maior e Comandante Militar do Leste, cotado para substituir o general Eduardo Villas Bôas, prestes a encerrar seu ciclo no comando do Exército. Compareceram também os demais seis comandantes militares, entre os quais o da Amazônia, general Antonio Miotto, e o do Sul, general Edson Leal Pujol.

    Em tese, o encontro não tinha a finalidade de tramar um golpe militar, mas o motivo da realização foi a preocupação com o ritmo acelerado da deterioração do quadro político brasileiro. Entretanto, como Mourão expressou, se houver necessidade, estarão prontos “para uma intervenção com o objetivo de colocar ordem na casa”. “Quando os militares se meteram a fazer política, pela última vez, mergulharam o País em 21 anos de trevas, os quais não podemos esquecer para que jamais novamente aconteça”, lembra a revista.

  • Governo de Pernambuco anuncia seleção com 172 vagas e salários de até R$ 3,8 mil

    O governo de Pernambuco anunciou uma seleção pública simplificada para preencher 172 vagas na Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude. As oportunidades são para atuação nos Serviços de Acolhimentos Institucionais, sendo 35 de nível superior, oito de nível técnico e 129 de nível médio. O edital foi publicado na edição deste sábado (23) do Diário Oficial do Estado de Pernambuco e pode ser conferido aqui.

    Os salários variam de R$ 1 mil até R$ 3,8 mil. Há vagas para advogados, assistentes sociais, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, pedagogos, psicólogos, terapeutas ocupacionais, gestores sociais, técnicos de enfermagem e educadores sociais/cuidadores. Do total de oportunidades oferecidas, 5% são reservados para pessoas com deficiência. As vagas são distribuídas entre o Recife, cidades da Região Metropolitana e Garanhuns, no Agreste do estado.

    As inscrições começam na segunda-feira (25) e podem ser feitas até o dia 23 de outubro no site do Instituto Darwin, onde é possível preencher o cadastro e anexar os documentos digitalizados requisitados no edital. A taxa de inscrição custa R$ 60 para as funções de nível superior e R$ 40 para os cargos de nível técnico ou médio.

    O processo seletivo é realizado em única etapa eliminatória e classificatória, destinada à análise da experiência profissional e de títulos. O resultado final da seleção está previsto para ser divulgado em 21 de novembro.

  • Deputado critica nomeação de novos militares e diz que SDS de PE é um laboratório de secretários

    Com cadeira na bancada de oposição ao governo Paulo Câmara (PSB), na Casa Estadual de Leis, Joaquim Nabuco, o deputado estadual serra-talhadense, Augusto César do PTB de forma categórica desqualificou o ato solene do Palácio do Campo das Princesas, em colocar nas Ruas cerca de 1500 (hum mil quinhentos) homens, que vão reforçar o quadro de policiais militares em Pernambuco.

    Aliado de primeira hora do senador Armando Monteiro (PTB) – adversário político de Câmara, Augusto ecoou em entrevista aos comunicadores, Giovani Sá e Paulo César, que Paulo efetivou 1500 e aposentou 1500.

    “Os que saíram, saíram pelo tempo de serviço e levaram suas experiências. Trocou 6 por meia dúzia. Pessoas que conheciam toda estrutura da criminalidade”, pontuou Augusto reafirmando que o ato de formatura dos novos 1500 militares foi para preencher as vagas dos que estariam se aposentando.

    O petebista ainda criticou os “mecanismos” usados pela Polícia Militar de Pernambuco e disse que a “responsabilidade é do governo e não da Assembleia Legislativa”.

    Augusto ainda ironizou o fato das constantes mudanças do titular na pasta da SDS – Secretaria de Defesa Social.

    “É um laboratório de secretários, toda semana é um secretário novo, a criminalidade ela continua aumentando, a quantidade de ações contra o patrimônio público é bem maior. Por que não aconteceu com o governador Eduardo Campos? O governo é o mesmo do PSB, e Paulo foi da cúpula do governador Eduardo Campos, ou ele esqueceu, ou não aprendeu”, provocou.

    Na visão do parlamentar o maior responsável pela crescente violência no Estado é o governador Paulo Câmara. “Eu acredito e espero que ele venha fazer. Não é o deputado que vai colocar carro na rua...ele tem que sair do Palácio e ver o que está na rua! Quem sabe não vai melhorar? Eu não vejo outra alternativa!”, exclamou Augusto.

    Sobre a negativa do Governador, quanto à sugestão de pedir reforço de tropas nacional, como aconteceu no Rio de Janeiro, César disse que: “quando nós sugerimos a Força Nacional foi para ver um acorda Pernambuco. Está faltando algo mais enérgico...se correr frouxo vai continuar do mesmo jeito”, alertou.

  • Em ST, palestra alerta sobre importância da prevenção ao suicídio

    Aconteceu na manhã desta sexta-feira (22), na Câmara de Vereadores, uma importante palestra para debater a importância da prevenção e combate ao suicídio. Promovida pela Secretaria de Saúde de Serra Talhada, através da Gerência de Saúde Mental, a palestra faz parte da Campanha Setembro Amarelo, movimento nacional que chama atenção para os altos índices de suicídios no país e vem sendo trabalhada no município durante todo esse mês de setembro.

    Com o tema “Compartilhe a vida. Diga não ao suicídio”, a palestra reuniu diversos segmentos sociais do município de Serra Talhada como profissionais da área de saúde e assistência social, estudantes, professores e população em geral. A discussão foi facilitada pela psicóloga e psicanalista Valdiza Soares, coordenadora de Atenção à Saúde Mental Infanto-Juvenil do Estado de Pernambuco.

    “Esse é um problema de todos, não somente da saúde. As faixas mais críticas são de 19 a 29 anos e dos 70 anos adiante, e a prevenção precisa ser feita de forma maciça, com participação das redes de atendimento, das escolas, envolvendo as famílias, principalmente nesse cenário atual que é muito conservador e desagregador, fazendo o movimento contrário de calar o sujeito, quando as pessoas deixam de socializar e esse vazio geralmente leva ao sofrimento e muitas vezes ao suicídio, que vem aumentando a cada dia, tanto as tentativas quanto à consumação do problema”, alerta a psicóloga.

    A Gerente de Saúde Mental do município, Soraya Carvalho, destaca a importância da campanha. “Estamos fazendo esse trabalho de conscientização da população e dos profissionais de saúde sobre a necessidade de falar de suicídio, uma vez que a cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio no mundo, sendo 32 casos no Brasil a cada dia, são dados alarmantes que estão superando as mortes provocadas por AIDS e câncer, por exemplo”, comenta Soraya que destaca ainda a rede de atendimento em Serra Talhada.

    “Prevenir é o nosso desafio, e buscamos fazer isso através de nossos serviços, começando pela Atenção Básica que é a porta de entrada através dos PSFs, mas temos ainda três CAPS, ambulatórios de psiquiatria e psicologia, equipes do NASF, clínica-escola pertencente a AESET, além da rede de assistência social que tem vários equipamentos e serviços de acompanhamento e acolhimento no município”, conclui.

  • Insatisfação contra Sebastião se agrava; Anderson não foi ao ato de assinatura das obras da BR - 101

    imagem: facebook

    O embate político entre o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), e o secretário estadual dos Transportes, Sebastião Oliveira (PR), se refletiu no ato de assinatura da ordem de serviço da BR-101, nesta sexta-feira (22).

    A obra foi alvo de troca de acusações nesta semana, quando o gestor municipal criticou a pasta comandada pelo correligionário pelo fato da recuperação da estrada ter sido iniciada em Paulista, e não em seu município, ponto que, segundo ele, está mais “degradado” e “crítico”. Apesar de convidado, Ferreira faltou ao evento no Palácio do Campo das Princesas, em um gesto que deixou a impressão de resquícios da insatisfação.

    Já a presença do Ministro dos Transportes, Maurício Quintella (PR) minimiza, pelo menos a curto prazo, as especulações em torno de uma possível ivestida da legenda em tomar o comando do PR de Sebastião Oliveira em PE. 

  • Temer diz ser vítima de conspiração e acreditar que denúncia será barrada

    O presidente Michel Temer disse nesta sexta-feira (22) ser vítima de uma conspiração e afirmou ter a convicção de que a denúncia apresentada contra pela PGR (Procuradoria-Geral da República) será barrada pelo plenário da Câmara dos Deputados.

    Em vídeo publicado nas redes sociais, o peemedebista afirmou que lançaram sobre ele "provas forjadas" e "denúncias ineptas" que foram produzidas em "conluios com malfeitores". Segundo ele, o Poder Legislativo encerrará os últimos episódios "de uma triste página de nossa história".

    Sabe-se que, contra mim, armou-se conspiração de múltiplos propósitos. Conspiraram para deixar impunes os maiores criminosos confessos do Brasil, finalmente presos, porque sempre apontamos seus inúmeros delitos", disse.

    Para ele, só regimes de exceção aceitaram acusações sem provas, "movidos por preconceito, ódio, rancor ou interesses escusos". Ele ressaltou que o país pode estar trilhando esse caminho neste momento.

    "A única vacina contra essa marcha da insensatez é a verdade. E a verdade é a única arma que tenho para me defender desde o início deste processo de denúncias e que busca desestabilizar meu governo e paralisar o avanço do Brasil", disse.

    O presidente manifestou ainda indignação e disse manifestar "profunda revolta" com a "leviandade dos que deveriam agir com sobriedade". Segundo ele, a incoerência e a falsidade "foram armas do cotidiano para o extermínio de reputações".

    "A verdade prevaleceu ante o primeiro ataque a meu governo e a mim. A verdade, mais uma vez, triunfará. Tenho convicção absoluta de que a Câmara dos Deputados encerrará esses últimos episódios de uma triste página de nossa história, em que mentiras e inverdades induziram a mídia e as redes sociais nestes últimos dias", afirmou.

    Segundo ele, uma análise "crítica" e "desapaixonada" da Câmara dos Deputados "provará os abusos dos que conspiraram contra a Presidência da República e o Brasil".

    Veja o vídeo:

  • Em Flores, governo municipal vai promover debate sobre o PPA - Plano Plurianual 2018-2021

    Na próxima sexta-feira, dia 29 de Setembro, o governo municipal de Flores vai promover um debate sobre o PPA - Plano Plurianual 2018-20121 e o LOA - Lei Orçamentária Anual.  

    A prefeitura espera através do evento, mostrar a população da cidade, responsabilidade, transparência e eficácia com o dinheiro público do cidadão florense.                

    O governo municipal também ressalta a importância da participação popular no evento, para que os munícipes saibam como suas contribuições são aplicadas e revertidas em políticas públicas voltadas aos anseios do povo.  

    A prestação de contas terá início às 10hs, com demonstração e avaliação das metas fiscais do município, e apresentação das ações e serviços de saúde no segundo quadrimestre do exercício de 2017. Às 14hs, haverá discussão e elaboração do PPA e do LOA referente ao ano de 2018.

  • Em defesa de Sebastião, vereador aceita desafio de Duque para fazer comparativo de planilha de obras

    Com assento de liderança na bancada de oposição ao governo Duque (PT), o vereador Antônio de Antenor (PR) resolveu aceitar o desafio do prefeito, que recentemente provocou o parlamentar a fiscalizar as obras do governo de Estado paradas na cidade e ainda fazer um comparativo da planilha orçamentária das ações tocadas pela Secretaria de Obras do município e Secretaria de Transportes, assinada pelo deputado federal licenciado, Sebastião Oliveira (PR).

    “Nós aceitamos o desafio. Eu vou dá 15 dias para que o prefeito. Diga qual a obra que está superfaturada, traga a planilha dele, que a gente também vai trazer a planilha da Secretaria do Estado. Quem estiver errado...eu não sou engenheiro, mas estou aqui para fiscalizar. O desafio está feito e está acatado!”, exclamou o parlamentar ao discursar na sessão ordinária da última segunda-feira (18).

    O revide do líder da oposição veio junto com análise feita pelo TCE – Tribunal de Contas de Pernambuco, onde foi identificado sobrepreço na ordem R$ R$ 1.162.195,05 em obra de pavimentação da Rodovia VPE-119 no trecho compreendido entre o distrito de Sapucarana, em Camocim de São Félix, e a BR-232. 

     

  • Prefeitura de Flores segue qualificando a rede municipal de ensino

    A prefeitura de Flores através da secretaria de educação municipal, vem realizando e inovando com projetos concretos de qualificação na rede municipal de ensino. Os trabalhos, têm o objetivo de dinamizar a educação infantil, fundamental I e educação do campo, com o intuito de aprofundar as práticas de ensino e de aprendizagem das crianças do município.

    A promoção do trabalho de qualificação da educação infantil em Flores, já deu bons resultados, pois a melhoria na qualidade e a facilitação na aprendizagem das crianças, com projetos pedagógicos mais excelentes, já rendeu a terceira formação do projeto, que aconteceu nesta quinta-feira, dia 21 de setembro.

    Um novo projeto de integração à proposta pedagógica da rede municipal de ensino da cidade Flores está mudando a cara da política educacional nas escolas do município.

    O conjunto de todas essas ações, visa a melhoria na qualidade do ensino regular, e a plena formação dos alunos que fazem parte do mesmo, os quais recebem essa proposta de especialização para atingirem excelência no quesito ensino-aprendizagem.