Lula cobra unidade do PT em Pernambuco, a frieza de Sebastião e o ato de coragem de Zé Pereira


Com o crescimento das afirmativas em torno da volta do Partido dos Trabalhadores-PT para, o palanque da Frente Popular de Pernambuco, liderada pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara do PSB e ao mesmo tempo da pré-candidatura crescente de Marília Arraes que, busca ser ungida pela cúpula da legenda para disputar o cargo de governadora de Pernambuco.

Na última sexta-feira (09), o ex-presidente Lula resolveu colocar o dedo imbróglio e com dirigentes do PT de Pernambuco e lideranças nacionais da legenda discutiu, em São Paulo, as eleições de outubro. 

É sabido que, a direção nacional da legenda vem trabalhando para construir nacionalmente, uma aliança programática e eleitoral com os partidos de centro-esquerda: PCdoB, PDT, PSB e PSOL.  

O que em Pernambuco, nomes como o de Tereza Leitão (deputada estadual), Carlos Veras (presidente da CUT) Luciano Duque (prefeito de Serra Talhada) e Doriel Barros (presidente da Fetape), são contrários e sustentam a estratégia que, o PT de Pernambuco mantenha o debate político em torno de uma candidatura própria ao governo do Estado, com o nome da neta de Arraes.

O encontro com Lula, ainda está cercado de mistérios, isso falando em relação à pré-candidatura de Marília. Até mesmo, Luciano Duque, o mais animado e responsável pelo avanço da vereadora do Recife, na disputa pela cadeira de Câmara (PSB), tem evitado dar qualquer declaração sobre o que disse Lula e o que foi acertado, no encontro de sexta. Até uma foto de Lula e  Duque e ou participando da reunião não se viu.

Porém o blog apurou que, Lula cobrou unidade do partido em Pernambuco em torno da pré-candidatura do nome Marília Arraes.

FRIEZA: Certamente não foi o deputado federal Sebastião Oliveira que assinou a nota que rebate a afirmativa do jornalista, Jamildo Melo, de que (Sebastião) estaria prestes a perder a Secretaria de Transportes para Dilson Peixoto, homem de primeira hora do senador, Humberto Costa. A impressão que fica é de que, onde há fumaça há fogo.

NOTA 10: Pelo ato de coragem do Secretário de Agricultura de Serra Talhada, Zé Pereira por ter enfrentado de peito aberto e sozinho, os trabalhos de desassoreamento do açude cachoeira.

AGENDA: Prefeito de um município, com pouco mais de, 23 mil habitantes, Marconi Santana de Flores, no sertão do Pajéu, tem se consolidado, na excelência em gestão pública e como liderança política nacional. Nesta segunda, o prefeito estará em Brasília, no Palácio da Alvorada ao lado dos Ministros de Estado, Kassab e Marun e do presidente Temer, participando do ato de assinatura da liberação do AFM – Apoio Financeiro aos Municípios de R$ 2 bi e do termo de adesão ao programa, Internet para Todos.

INFORME: João Batista, prefeito de Triunfo, adiante que, a Prefeitura abre a feira de agricultura familiar e do artesanato rural. Segundo o prefeito “irá funcionar todas as sextas no estacionamento público da Av. Getúlio Vargas, com produtos agroecológicos produzidos em Triunfo”.