TCE julga processo licitatório da Prefeitura de Afogados da Ingazeira, nesta terça (10)


A 2ª Turma da Corte de Contas de Pernambuco julga nesta segunda-feira (10), Medida Cautelar expedida monocraticamente pelo Relator, João Carneiros Campos que determinou a suspensão dos atos relativos ao Processo Licitatório 14/2018 - Pregão Eletrônico 01/2018 instaurado pela Prefeitura Municipal de Afogados da Ingazeira, que teve por objeto a contratação de empresa(s) especializada(s) para implantação e operacionalização de sistemas de gestão da frota municipal de veículos automotores e máquinas, incluindo-se a execução dos serviços de manutenção preventiva e corretiva, com fornecimento de peças, acessórios, serviços de borracharia, de lavagem, de oficina mecânica, elétrica, funilaria, suspensão, retífica, eletricidade, pintura, capotaria, ar condicionado, reboque, dentre outros, bem como fornecimento de mão de obra de motoristas e operadores de máquinas pesadas e locação de ônibus reserva para uso esporádico no transporte de pacientes fora do domicílio TFD.