Bandidos invadem residências e furtam joias, dinheiro e celulares em Serra Talhada


O Balanço Policial está recheado de prejuízos a moradores dos bairros de Serra Talhada. No último fim de semana a Delegacia de Polícia Civil local recebeu pelo menos cinco casos de invasão e furto de residências. As localidades atingidas foram Centro, Mutirão, Alto da Conceição e Várzea.

O primeiro caso notificado aconteceu no dia 28 de junho, na Rua Eremita Julia Magalhães, no Mutirão. Segundo a vítima, de 46 anos, teria deixado o seu celular Moto G2 junto do aparelho pertencente ao seu amigo. Ao retornar não encontraram mais os objetos descritos.

Na rua Henrique de Melo-Centro, uma mulher, de 31 anos, relatou que seu apartamento foi arrombado e algumas de suas joias levadas. A vítima contou que ao retornar para casa no dia 18 de junho encontrou as luzes acesas e seus pertences revirados. Foi levado uma quantia em dinheiro, um relógio de prata, uma pulseira de ouro, brincos e anéis de ouro.

Outro apartamento do Centro foi invadido na Rua Joca Magalhães durante obras no prédio, na última sexta-feira (28). O servente de pedreiro que trabalhava no local teve R$ 37 e seu celular Samsung J6 levados. O denunciante, de 28 anos, contou que estava carregando areia e deixou seus pertences guardados, ao retornar para buscar não encontrou.

Já na madrugada domingo (30) alguns amigos estava em uma reunião na Rua Deósio Ferreira Magalhães, no Alto da Conceição, quando um deles teve seu aparelho celular, da marca Xiaomi, furtado de dentro da casa. A mulher, de 26 anos, informou que estava bebendo no local e em dado momento seu telefone desapareceu.

Por último, um homem, de 39 anos, procurou a DP nesta segunda-feira (1) para denunciar um furto dentro de sua própria casa. Segundo o morador da Rua Ivan Souto de Oliveira, na Várzea, sua casa foi invadida pela porta da cozinha e foram levados diversos documentos pessoais e R$ 150 em dinheiro.

Fonte: Farol de Notícias