Victor diz não ser terceiro, a estratégia da oposição em Triunfo e a agenda de Marconi em Brasília


PASSANDO DO LIMITE: A Corte de Contas de Pernambuco analisou esta semana os limites de gastos com pessoal da prefeita de Mirandiba, Rose Cléa Máximo de Carvalho Sá, entre o 1º e 3º quadrimestres do exercício financeiro de 2017. De acordo com o voto, foram contabilizados, respectivamente, gastos com pessoal de 75,66%, 69,45% e 76,33% da Receita Corrente Líquida (RCL). O limite é de 54%.  Sendo assim, além de julgar irregular a gestão fiscal do município, o conselheiro aplicou uma multa no valor R$ 54.000,00 a prefeita, correspondente a 30% dos vencimentos da responsável pela irregularidade proporcional ao período de verificação.

DEPUTADOS: A Frente Parlamentar de Segurança Pública da Alepe irá a todas as regiões do Estado para discutir a situação específica de criminalidade de cada área, bem como ouvir as demandas das autoridades e populações locais.

No dia 25 desse mesmo mês, o debate ocorrerá em Serra Talhada (Sertão). Palmares (Mata Sul), por sua vez, receberá os deputados da Frente no dia 6 de dezembro. As audiências públicas em outros municípios serão anunciadas posteriormente.

NADA DE TERCEIRO: O pré-candidato a prefeito de Serra Talhada, Victor Oliveira, tem dito por onde passa, que Carlos Evandro pode até ser candidato, porém já foi condenado pelo Tribunal de Contas de Pernambuco e pela população de Serra Talhada. O neto de Inocêncio Oliveira, também tem sustentado o discurso que não representa uma terceira via e sim, uma nova via. “... esse novo diálogo das novas vias, estão dizendo terceira...aí parece um ranking e não é. É uma nova via que se coloca, e, ela tem crescido bastante”, defendeu.

ESTICANDO A CORDA: Adversários de João Batista em Triunfo-PE, garantem que a pré-candidatura de Dr. Eduardo Melo é apenas mais uma estratégia articulada por Batista e o ex-prefeito Luciano Bonfim. O bloco de oposição garante que a ideia é manter o nome de Eduardo e lá na frente anunciar a união entre João e o médico.

EM DEFESA DE JOÃO: Presidentes de doze partidos divulgaram ontem, sábado (08), uma “Nota de Solidariedade” ao governador da Paraíba, João Azevedo. A movimentação veio logo após o protocolo do processo de impeachment, na Assembleia Legislativa da Paraíba – ALPB. A nota foi assinada pelos os representantes do PCdoB, CIDADANIA, DEM, AVANTE, PT e PTB, REPUBLICANOS, REDE, PL, PODEMOS, PMN E PDT.

SIMBOLISMO: O Partido dos Trabalhadores – PT faz 40 anos na próxima segunda-feira (10) e na semana de comemorações da legenda, Márcia Conrado, deverá assinar a ficha de filiação. O ato deverá acontecer na próxima quarta-feira (13).

AGENDA: Depois autorizar mais de R$ 1,2 milhão em obras hídricas e de infraestrutura, em um ato muito prestigiado na sede do governo municipal; o prefeito de Flores, Marconi Santana, segue para Brasília no início da próxima semana. O gestor da cidade com a maior cifra de investimentos em recursos próprios do Pajéu, leva na bagagem, pleitos para implemento de novos investimentos e ações na pasta de saúde e educação.